30 de agosto de 2014

Icasa foi excluído da série B.

Diretor de futebol garante que Icasa vai recorrer de decisão do STJD Verdão do Cariri está excluído da Série B do Brasileiro por ter recorrido à Justiça Comum em esgotar instâncias do Poder Desportivo. Há ainda multa de R$ 50 mil.
Diante da exclusão do Série B do Campeonato Brasileiro, definida pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), a diretoria do Icasa se mostrou segura. De acordo com o diretor de futebol do clube, Emerson Maranhão, que substitui André Turatto, desligado nesta sexta-feira, o Verdão do Cariri recorrerá da decisão.
- Iremos recorrer desta decisão e estamos tranquilos quanto ao resultado - pontuou Emerson Maranhão.
Com o julgamento na Quarta Comissão do STJD, os jogos do Icasa ficam previamente suspensos, cabendo ao presidente da entidade decidir se a punição começa a valer logo ou só após apreciação do Pleno. Por isso, se o Verdão do Cariri quiser entrar em campo, contra a Ponte Preta, na próxima semana, vai precisar conseguir um efeito suspensivo. A tendência é que todos os times que jogaram e os que futuros adversários da equipe alviverde ganhem por WO.
O time cearense foi punido por recorrer à Justiça Comum para garantir vaga na Série A sem ter esgotado todas as instâncias da Justiça Desportiva. A diretoria da equipe entrou com uma ação no STJD alegando que o Figueirense havia escalado o volante Luan de forma irregular na partida contra o América-MG, em 28 de maio. No entanto, a CBF afirmou que o jogador não estava irregular, e o STJD arquivou a denúncia. Em abril, o clube conseguiu liminar na Quarta Vara Cível do Rio de Janeiro para jogar na elite do futebol brasileiro, mas foi cassada pela CBF.

Além da exclusão da Segundona, o Icasa ainda pagará multa de R$ 50 mil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seus comentários, mas lembre-se que este blog é acessado por famílias, mulheres, e pessoas de bem.