14 de maio de 2013

Deu bo Blog do Boró; Lugar de vaca é no curral.

( Matéria extraída na integra do Blog do Boró.)
É impressionante a falta de atitude da Prefeitura Municipal de Ibicaraí.

Dezenas de vacas pastam diariamente dentro do Hospital Arlete Maron de Magalhães e dentro do CELEM – Colégio Estadual Luiz Eduardo Magalhães.

O CELEM existe há 10 anos e o Hospital um pouco mais e o problema sempre existiu.

A Direção do CELEM informou que dá um prêmio para quem descobrir o proprietário dos animais, pois procura um fazendeiro e ele diz que não é dele, procura outro e a mesma resposta, mais outro do Andrezão e nada. Ninguém é dono das Vacas. A Escola já fez de tudo. Colocou um portão eletrônico para impedir a entrada dos animais, mas não adiantou. Quando o porteiro abre o portão para a entrada de um carro, as Vacas entram atrás e agora aprenderam a entrar pela porta de entrada dos alunos, ameaçando a segurança de todos. Alguns alunos já pensaram em fazer um churrasco com uma Vaca dessas para ver se aparece o dono. Proposta que não tem o apoio da Direção da Escola naturalmente.

No Hospital, além da segurança dos pacientes, funcionários e médicos, eles fazem as suas necessidades fisiológicas contaminando o ambiente que deveria ser preservado de infecções.

A Direção do Hospital já pensou até em colocar um “Mata-Burro” na entrada para coibir o transito dos animais. Proposta que foi rechaçada pelo Prefeito para não ser explorada politicamente. A alternativa que esta sendo estudada pela Prefeitura é colocar um “Mata-Burro” na estrada vicinal que dá acesso as fazendas da região e outro “Mata-Burro” na entrada do Andrezão, com porteiras. Será que os proprietários dos animais vão manter as porteiras fechadas?

A nossa sugestão é mais barata para o Município. Solicite ao funcionário da Secretaria de Infraestrutura para prender os animais, notifiquem o proprietário uma, duas, três vezes. Depois comece a multar o proprietário. Se nada disso resolver, apele para a Justiça que alguém tomará uma providência.


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seus comentários, mas lembre-se que este blog é acessado por famílias, mulheres, e pessoas de bem.