18 de janeiro de 2013

Grande quantidade de medicamentos com validade vencida encontrada em Ilhéus.


Medicamentos com validade vencida 2 (Secom Ilhéus).JPGDezenas de caixas de remédios com validade vencida, recolhidas das unidades de saúde do município, foram deixadas pela gestão anterior da Secretaria de Saúde de Ilhéus. Somente depois de concluída a coleta do material que ainda está nas unidades da zona rural é que será possível saber qual a quantidade de medicamentos que deixou de ser distribuída à população. A medicação vencida está sendo armazenada na Central de Abastecimento Farmacêutico (CAF) da Sesau.

Apesar disso, a coordenação de Assistência Farmacêutica do Município informa que a distribuição de medicamentos válidos está funcionando em diversas unidades da rede básica de saúde, a exemplo dos postos Almiro Vinhais, na Princesa Isabel, do Nossa Senhora das Vitória, da Urbis, Nelson Costa, Olivença, Sarah Kubistschek (Malhado), CSU (Barra), no Salobrinho (PSF II) e na Farmácia Popular do Malhado, na parte da manhã. A Farmácia Popular do Estado, situada ao lado do Terminal Urbano, também está em funcionamento.

Com relação aos medicamentos vencidos, a coordenadora de Assistência Farmacêutica, Simone Soares, explica que existe uma preocupação para o descarte dos produtos, que são resíduos químicos, daí a necessidade de se fazer uma articulação com o serviço de limpeza pública, em um novo modelo de gestão. Ela informou que será necessário elaborar um inventário com prazo de validade dos remédios para a devida utilização desses produtos na rede básica de saúde.

Na atual gestão, os farmacêuticos existentes no quadro da Secretaria já foram redistribuídos entre as Unidades de Saúde, e estão fazendo um levantamento das farmácias existentes na rede. “Esse diagnóstico permitirá a elaboração de um novo plano de ação para a distribuição gratuita de medicamentos. Nossa idéia é implantar uma gestão de estoque eficaz, através da uma rede informatizada”, acrescentou a coordenadora.

Grato pela divulgação,

Secretaria de Comunicação Social (Secom).

Ilhéus - 17.01.2013

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seus comentários, mas lembre-se que este blog é acessado por famílias, mulheres, e pessoas de bem.