25 de agosto de 2012

Quase 200 candidaturas são indeferidas.


no sul da Bahia e dependem de decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Os municípios com maior quantidade de candidatos que tiveram o pedido indeferido são Una, Camacan, Canavieiras, Itabuna, Itacaré e Ilhéus. azevedo
      A maioria dos barrados pelos juízes eleitorais são candidatos a vereador em busca de seu primeiro mandato. Os candidatos que correm o risco de ficar de fora da disputa tiveram o registro indeferido por crime de improbidade administrativa (desvio de dinheiro público).
      Também por erros em atas dos partidos, participação em mais de uma chapa, filiação partidária em duplicidade ou por não ter seguido o prazo de desincompatibilização.
      O município com maior número de candidatos com pedido de registro negado é Una, que tem 18.897 eleitores e 24.110 habitantes. Dos 162 que sonham com uma vaga na Câmara, 37 tiveram suas candidaturas indeferidas em 1ª instância. Dos cinco candidatos a prefeito, um foi barrado.
      O ex-prefeito José Bispo Santos, o “Zé Pretinho” (PDT), teve o pedido de registro negado e recorreu ao TRE. Ele é um dos muitos políticos da Bahia na lista de candidatos “fichas sujas”. As irregularidades foram constatadas pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM).
      Dois candidatos a vereador em Una decidiram renunciar.
      Ibicaraí
      O segundo município em quantidade de políticos barrados pela Justiça Eleitoral em 1ª Instância é Ibicaraí, com 34 pedidos indeferidos de candidaturas. Os dois candidatos a prefeito tiveram os registros indeferidos com recurso.
      O atual prefeito Lenildo Santana (PT) teve pedido de registro negado por falha no envio de documentos e deve ter decisão favorável no TRE. Já a ex-prefeita Monalisa Tavares (PRP) vive uma situação mais delicada. Tavares está entre os mais de mil políticos da Bahia que são “fichas sujas”.
      Entre os 122 candidatos a vereador, 32 tiveram o registro indeferido por falta de documentação e duplicidade na filiação. Somente 16 recorreram da decisão para tentar manter-se na disputa por uma das 11 vagas de vereador. Em Canavieiras são 26 que correm risco de não disputar as eleições.
      Desses, 22 recorreram para tentar manter-se na briga por uma das nove vagas. Entre os candidatos a prefeito, o petista João Brasil teve o pedido de registro indeferido, mas recorreu.
      Brasil pediu registro de candidatura, mas o colega de partido Dacio Macedo Rolemberg Filho está como vice-prefeito na chapa de Juarez das Merces Ramos, do PSB. Em Camacan são 21 candidaturas indeferidas dos 113 pedidos feitos à Justiça Eleitoral.
      Pelo menos 15 dos políticos já recorreram ao TRE para tentar modificar a sentença. O município contará com 13 vereadores a partir de 2013. Dos quatro candidatos a prefeito, dois tiveram o pedido de registros indeferidos e recorreram.
      Foram barrados Debora Carvalho Borges (PSB) e Fernando Alves dos Santos (PT).
      Ficha suja
      Em Itabuna são 28 pedidos de candidatura inferidos, entre os quais os do prefeito José Nilton Azevedo (DEM) e seu companheiro de chapa Renato Costa (PMDB). Azevedo (foto) está na lista de ficha suja por ter as contas de 2009 e 2010 rejeitadas pelo TCM.
      Foram detectadas irregularidades insanáveis na utilização de mais de R$ 22 milhões. O prefeito tenta obter uma liminar do TRE e negociar com a Câmara para não ser barrado. Entre os vereadores barrados, quatro entraram com recurso para tentar reverter à decisão.
      São mais de 407 candidatos sonhando com as 21 vagas na Câmara de Itabuna. Em Ilhéus são 11 políticos barrados. O município conta com mais de 300 candidatos a vereador para 19 vagas.
      Em Itacaré são 15 políticos com pedido de registro indeferido, sendo dois a prefeito. Um deles é o ex-prefeito Jarbas Barbosa (PSB), que teve quatro contas rejeitadas pelo Tribunal Contas dos Municípios e, assim como Azevedo, é considerado ficha suja.
      Além de Una, Camacan, Canavieiras, Itabuna, Itacaré e Ilhéus, há políticos barrados em mais 20 municípios do sul da Bahia.

Fonte; Jornal Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seus comentários, mas lembre-se que este blog é acessado por famílias, mulheres, e pessoas de bem.