LIGMAX O SEU PROVEDOR DE INTERNETE

LIGMAX O SEU PROVEDOR DE INTERNETE
LIGMAX O SEU PROVEDOR DE INTERNET, DE IBICARAÍ PARA O MUNDO - AVENIDA SÃO VICENTE DE PAULA

CONHEÇA NOSSO SITE E OS NOSSOS SERVIÇOS AGORA, CLICK NA IMAGEM E VEJA.

ESTÁ EM CASA, PENSOU EM PIZZA, LEMBROU PIZZARIA PRIMEIRA¨OPÇÃO.

ESTÁ EM CASA, PENSOU EM PIZZA, LEMBROU PIZZARIA PRIMEIRA¨OPÇÃO.

VISITE A MULTESCRITA SOLUÇÕES EM CONTABILIDADE RUA 2 JULHO Nº 35 - 1º ANDAR

19 de maio de 2016

Herói improvável, parte 2: Rafael Vaz entra no ataque e classifica o Vasco nos acréscimos.

A VELHA MÁXIMA; O futebol é terreno do imponderável. Nenhuma novidade. Porém, a noite de Copa do Brasil nesta quarta-feira reservou a São Januário um manual prático desta máxima. Após ser o herói do título Carioca, Rafael Vaz fez a sua estrela brilhar novamente. E de um jeito muito peculiar. Opção no banco de reservas, o zagueiro entrou na etapa final... no ataque. Atrás num placar - 1 a 0 - que levaria para os pênaltis, Jorginho lançou mão da aposta quase desesperada. E, acredite, deu certo. Aliás, muito certo. Foi do zagueiro o gol de empate já nos acréscimos: 1 a 1. Vasco classificado e, de quebra, com a invencibilidade mantida. Já são 28 jogos.
PANORAMA
O Vasco enfrenta o Santa Cruz na terceira fase da Copa do Brasil. Os confrontos ainda não têm data definida. O CRB agora tem todas as atenções voltadas para a disputa da Série B do Brasileirão.
OS 90 MINUTOS
O Vasco foi envolvido no primeiro tempo. O CRB mostrou marcação alta encaixada e qualidade quando tinha a bola. Deficiente na marcação, o Cruz-Maltino só assustou aos 25, quando Pikachu perdeu oportunidade na pequena área. Com mais volume, o CRB dominava a partida. E foi premiado. Luan fez falta boba na entrada da área. Diego, aquele mesmo, ex-Vasco, cobrou inapelavelmente, no ângulo: 1 a 0. E foi pouco. Luigi ainda pecou ao tentar driblar Martín Silva para fazer o segundo gol certo antes do intervalo.

A etapa final teve um CRB mais conservador. Pressionado, o Vasco teve que sair para o jogo. E se expôs ainda mais aos contragolpes. As entradas de Eder Luis e Evander até melhoraram ligeiramente o Vasco, mas não resolveram os problemas do ataque. Foi neste momento que Jorginho tentou uma surpreendente aposta. Sacou Thalles para colocar Rafael Vaz. No ataque. E deu certo. O zagueiro aproveitou o cruzamento de Eder Luis e, aos 47, vestiu novamente a armadura de herói. Vasco classificado.
RAFAEL VAZ
O ano de 2016 tem sido particularmente especial para Rafael Vaz. Ainda que não seja titular no Vasco, o zagueiro vestiu pela segunda vez a armadura de herói. Depois do Carioca, decisivo também na Copa do Brasil. De forma dramática, nos acréscimos de uma competição em formato de mata-mata. E tudo isso em meio à discussão de renovação salarial. Merece?

PÚBLICO E RENDA
Presente: 2.614
Pagante: 2.415
Renda: R$ 57.330,00.
AS APOSTAS DE JORGINHO
Jorginho abusou das apostas contra o CRB. Inicialmente, poupou Madson e promoveu Bruno Ferreira ao time titular. Yago Pikachu ainda entrou no meio, no lugar de Julio dos Santos, que ficou no banco. Nada deu certo. Porém, a mais surpreendente aconteceu com bola rolando. Precisando do gol no segundo tempo para evitar os pênaltis, Jorginho colocou Rafael Vaz no time. Brilhou a estrela. Aliás, as estrelas. Do técnico e de Rafael Vaz, que marcou o gol da classificação aos 47 minutos da etapa final.
DIEGO

Perseguido pela torcida quando vestiu a camisa do Vasco, o lateral-esquerdo Diego teve o gosto da vingança depois de nove anos. Foi dele o gol do falta no primeiro tempo. E não foi só isso. Na etapa final, Diego salvou, em cima da linha, um gol certo no cabeceio de Thalles. Só não foi completo porque Rafael Vaz estragou a festa do lateral marcando o gol da eliminação quase no fim do jogo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seus comentários, mas lembre-se que este blog é acessado por famílias, mulheres, e pessoas de bem.