LIGMAX O SEU PROVEDOR DE INTERNETE

LIGMAX O SEU PROVEDOR DE INTERNETE
LIGMAX O SEU PROVEDOR DE INTERNET, DE IBICARAÍ PARA O MUNDO - AVENIDA SÃO VICENTE DE PAULA

CONHEÇA NOSSO SITE E OS NOSSOS SERVIÇOS AGORA, CLICK NA IMAGEM E VEJA.

ESTÁ EM CASA, PENSOU EM PIZZA, LEMBROU PIZZARIA PRIMEIRA¨OPÇÃO.

ESTÁ EM CASA, PENSOU EM PIZZA, LEMBROU PIZZARIA PRIMEIRA¨OPÇÃO.

VISITE A MULTESCRITA SOLUÇÕES EM CONTABILIDADE RUA 2 JULHO Nº 35 - 1º ANDAR

30 de março de 2017

Ibicaraí discute melhorias para o comércio de carne.


Aconteceu na manhã da última terça-feira, dia 28, no plenário da Câmara de Vereadores, uma reunião entre a secretaria municipal de Agricultura, os açougueiros do município e o Coordenador Regional da Agência de Defesa Agropecuária da Bahia – ADAB – Regional Sul, Renato Conceição Sena, para discutir o fechamento do matadouro municipal, o abate clandestino de gado bovino, melhorias do Mercado Municipal das Carnes, adequação dos açougueiros aos padrões exigidos pela ADAB e escolha de um frigorífico para o abate do gado, que tem a carne consumida no município.
O prefeito Lula Brandão esteve presente na reunião, agradeceu a presença e o empenho de todos e falou que em breve acontecerão melhorias no Centro de Abastecimento e no mercado de carnes. "Estive com o Governador e o meu primeiro pedido foi uma reforma completa no local. A última que aconteceu faz uns 15 anos. Peço um pouco de paciência e colaboração, pois aquele espaço é de todos nós e o feirante precisa aprender a cuidar também. No próximo mês, iremos colocar novos portões no mercado de carnes", disse o prefeito.

A secretária de Agricultura, Telma Elísia, falou sobre o problema do fechamento do matadouro e a recente visita à Salvador para discutir a implantação de um frigorífico em Ibicaraí. Segundo a secretária, Ibicaraí não tem como receber um frigorífico, pois está a menos de 100 quilômetros do frigorífico de Ilhéus.
O Coordenador Regional da Agência da ADAB, Renato Conceição Sena, falou da importância da união dos açougueiros para achar uma solução para o problema do município. Sena deixou claro que o papel da ADAB não é o de punir e sim de procurar uma solução para esse gravíssimo problema, que atinge grande parte dos municípios baianos. "Estive recentemente nos frigoríficos de Itapetinga e Ilhéus. Esse último apresentou a proposta de entregar abatido e limpo por R$40 reais a cabeça. Por enquanto, essa seria a solução, pois não existe a possibilidade de construir uma câmara frigorífica em Ibicaraí", disse Renato.
 Assessoria de Comunicação – Ibicaraí

30.03.2017

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seus comentários, mas lembre-se que este blog é acessado por famílias, mulheres, e pessoas de bem.