LIGMAX O SEU PROVEDOR DE INTERNETE

LIGMAX O SEU PROVEDOR DE INTERNETE
LIGMAX O SEU PROVEDOR DE INTERNET, DE IBICARAÍ PARA O MUNDO - AVENIDA SÃO VICENTE DE PAULA

CONHEÇA NOSSO SITE E OS NOSSOS SERVIÇOS AGORA, CLICK NA IMAGEM E VEJA.

ESTÁ EM CASA, PENSOU EM PIZZA, LEMBROU PIZZARIA PRIMEIRA¨OPÇÃO.

ESTÁ EM CASA, PENSOU EM PIZZA, LEMBROU PIZZARIA PRIMEIRA¨OPÇÃO.

VISITE A MULTESCRITA SOLUÇÕES EM CONTABILIDADE RUA 2 JULHO Nº 35 - 1º ANDAR

2 de dezembro de 2013

PERIGOSOS HOMICIDAS QUE FORAM PRESOS EM CATOLEZINHO.


O trabalho conjunto entre a Polícia Civil, Polícia Militar e Guarda Civil Municipal, que vem realizando um excelente trabalho nestes últimos meses, mais uma vez conseguiu trazer paz e segurança para os munícipes de Itambé e distrito.


A Operação ocorreu neste último sábado (30).


Aproximadamente às 06:00h da manhã, a Polícia de Itambé com apoio da Polícia Militar e GCM, prendeu um fugitivo da cidade de vitória da conquista de nome Leonês Ferreira Costa de 19 anos. O Jovem de maior idade é considerado de altíssima periculosidade devido os requintes de crueldade nos latrocínios (roubo seguido de morte) praticados no Município de Vitória da Conquista, inclusive o assassinato de uma advogada morta com 04 quatro tiros no ano de 2010.



Após a Polícia Civil de Itambé obter a informação de que Leonês estava escondido na residência de Jefferson silva dos anjos, vulgo "Jefinho", de 25 anos, também conhecido pela prática de homicídio no distrito de Catolezinho, de posse de autorização judicial, o Investigador Civil Paulo Rucas, apoiado pela Polícia Militar, adentraram na residência no momento em que o meliante se encontrava dormindo.


Após a retirada dos PMs de apoio, o IPC Paulo Rucas permaneceu no Distrito de Catolezinho investigando o paradeiro de "Jefinho", comparsa do conduzido leonês, que segundo informações, estaria armado.


Por volta das 08:30h, o IPC foi informado pelo GCM Edivaldo que Jefferson, naquele momento, teria sequestrado um cidadão com seu veículo, obrigando-o a transporta-lo em direção ao município de Caatiba. Após perseguição, o IPC Paulo Rucas alcançou o veículo a 500 metros da entrada de Catolezinho, sentido Caatiba e deu voz de prisão a Jefferson que estava portando um revolver cal 38.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seus comentários, mas lembre-se que este blog é acessado por famílias, mulheres, e pessoas de bem.